Todo ano, em janeiro, acontece no mundo inteiro o evento chamado Global Game Jam, onde durante aproximadamente 48 horas os participantes tem que gerar um jogo novo.

Como é tradição, todo ano a Freddy participa com vários de seus membros.

O evento de Curitiba, e mais alguns pelo mundo, tem um pequeno viés competitivo e em todos os anos estamos dentro os 10 melhores jogos da “zona competitiva” tendo um terceiro e um segundo lugar no currículo.

Este ano o time veio com a ideia do STEEL, um jogo multijogador local onde o objetivo é transportar informação confidencial para a resistência em uma cidade repleta de inimigos. Para isto os jogadores pilotam um tanque e nele cada um desempenha um papel:

O piloto navega o tanque pela cidade, indo coletar as informações e levá-las onde devem chegar, além de detectar as minas no local por meio da vibração do controle.

O canhoneiro tem por missão disparar nos tanques inimigos e detectá-los por meio da sincronização do sinal das câmeras com o sinal dos inimigos, tornando-os visíveis. Além disto é responsável por mirar e atirar nestes mesmos tanques.

O jogo e sua interação intensa entre os participantes ficaram tão divertidos que estamos trabalhando em um protótipo para a Mostra de Profissões da UP 2018 utilizando não 2, mas 3 jogadores com papeis distintos.

A grande diferença deste jogo é o controle dos jogadores feito utilizando-se Arduino sendo, assim, um controle único tornando a experiência igualmente única.